ff

 

Pesquisa personalizada
 

A cidade de Caxias do Sul é o retrato fiel dos 120 anos de imigração italiana no Rio Grande do Sul. Bastou pouco mais de um século para que os primeiros imigrantes vindos da Lombardia, Vêneto e Piemonte, e seus descendentes, transformassem a pequena colônia aos fundos de Nova Palmira num dos maiores pólos econômicos do sul do país.

Em 1875, as terras conhecidas por Campo dos Bugres, local de passagem de tropeiros, receberam as primeiras famílias de agricultores imigrantes. Na bagagem, os colonos traziam velhos utensílios, mudas de videiras e muita esperança. Do cultivo da uva e da produção do vinho nasce a promissora colônia de Caxias, logo chamada de Pérola das Colônias. Nem mesmo o isolamento geográfico do final do século passado impediu o desenvolvimento do núcleo colonial. Os imigrantes eram pobres, muitos deles analfabetos, porém dominavam a arte do trabalho. Sabiam moldar a madeira e o ferro. Logo surgiram as primeiras máquinas, os teares, funilarias, fundições e indústrias.

Em 1910, a estrada de ferro corta a Serra Gaúcha e eleva a Vila Caxias à condição de cidade. O progresso segue o ritmo da locomotiva a vapor e em 1931, já com 35 mil habitantes, a cidade realiza uma pequena exposição de uvas na praça central, dando início a um dos maiores eventos populares do país: a Festa da Uva. Desde então o evento cresceu, projetou o nome de Caxias do Sul no Brasil inteiro.

Ao longo das últimas sete décadas, os desfiles de carros alegóricos da Festa da Uva fascinaram presidentes da República, autoridades estrangeiras e milhares de turistas. A festa marcou época na história brasileira, como a inauguração do Monumento Nacional ao Imigrante pelo presidente Getúlio Vargas, em 1954, a visita do presidente italiano ao país, em 1958, e a realização da primeira transmissão ao vivo da TV em cores brasileira, diretamente do centro de Caxias, em 1972.

A Festa da Uva mostra também o desenvolvimento da cidade, que hoje se orgulha de produzir desde um simples parafuso até um caminhão fora-de-estrada. As marcas da imigração, porém, não se restringem à economia. A herança dos italianos está nos monumentos, no dialeto vêneto, nos restaurantes, na arquitetura, nas magníficas obras do pintor Aldo Locatelli. E, por que não, também no cenário, moldado por parreirais, capelas e cascatas que serviriam de ambiente para o filme O Quatrilho, recentemente indicado para o Oscar de melhor produção estrangeira.

HISTÓRICO

A história de Caxias do Sul, começa antes dos italianos, ainda quando a região era percorrida por tropeiros e ocupada por índios, chamada "Campo dos Bugres". A ocupação por imigrantes italianos, em sua maioria camponeses da região do Vêneto ( Itália ), deu-se a partir de 1875, localizando-se em Nova Milano. Estes por sua vez, buscavam um lugar melhor para viver, no entanto, encontraram lombrados, trentinos e outros. Embora tivessem ganho auxílio do governo, ferramentas, alimentação e sementes, esse mesmo auxílio teve que ser reembolsado aos cofres públicos.

Dois anos após, a sede da colônia do Campo dos Bugres recebeu a denominação de Colônia de Caxias. No dia 20 de junho de 1890 foi então criado o Município, e a 24 de agosto do mesmo ano, foi efetivada a sua instalação. Vários ciclos econômicos marcaram a evolução do Município ao longo deste século. O primeiro deles está ligado ao traço mais forte da sua identidade: O Cultivo da Videira e a Produção de Vinho. Num primeiro momento, para consumo próprio, e mais adiante para comercialização.

No dia 1º de junho de 1910, Caxias foi elevada a categoria de cidade e, neste mesmo dia chegava o primeiro trem, ligando a região à Capital do Estado. Os Imigrantes eram agricultores porém, muitos deles possuíam outras profissões. Instalaram-se na região, urbanizando-a e dando início a um acelerado processo industrial.

Na zona rural instala-se a agricultura de subsistência que se concentra na produção de uva, trigo e milho, começando a industrialização em nível doméstico. Todo o excedente era comercializado. No início, a uva e o trigo. Com o correr do tempo, a diversificação da indústria caseira para, juntamente com o processo humano da colônia, a ampliação do leque de manufaturados. Das pequenas oficinas caseiras, as grandes indústrias hoje, internacionalmente conhecidas.

Em 1976, é criada a Universidade de Caxias do Sul, núcleo da cultura sistematizada.

Caxias do Sul é hoje, o pólo centralizador da região mais diversificada do Brasil, com seus laboriosos colonos, seus vastos parreirais, suas vinícolas, seu variado parque industrial e um comércio rico e dinâmico; dando a esta terra uma dimensão ainda maior, razão essa que "Caxias do Sul", a "Capital da Montanha", a "Pérola das Colônias", a "Colméia do Trabalho" é, por si só, o pólo centralizador da marca italiana no sul do Brasil.

Junto com os imigrantes, outras etnias partilharam desse caminho. Aconteceram a missigenação e a aculturação. Cantos e linguagem, hábitos e tradições se aproximaram. Ao lado do lastro cultural itálico, convive a bela tradição gaúcha. O churrasco e o vinho, a polenta, o galeto, as macarronadas, ao som de belas letras trazidas da longínqua Itália e de outras já produzidas na terra de cá dão matizes, sonorização e sabores especiais à culinária típica desta Metrópole. É a fartura do Sul aliada ao sabor especial do tempero italiano.

É, através da Uva e do Vinho, que Caxias se notabilizou, sendo o berço do turismo do Estado quando, em 1931, lançava a maior festa do sul: a Festa da Uva . Vinhos, uvas, frio e neve, aliados ao clima europeu destas montanhas, com muita gente bonita, comida farta, hospitalidade e muitos atrativos reiteram o convite: Venha e comprove. tome conosco um gostoso vinho e se delicie com as mais saborosas uvas.

ECONOMIA

A economia caxiense é composta da seguinte forma:

Indústria: 64,66%
Comércio e Serviços: 33,34%
Agricultura: 2%
(A participação dos setores da economia caxiense são válidos a partir de 1997)

Composição da Economia Industrial

Setor Industrial Participação
Indústria da Alimentação 12%
Indústria da Fiação e Tecelagem e Vestuário 11%
Indústria da Madeira e do Mobiliário 9%
Indústria do Material Plástico 6%
Indústria Metal. de Bens de Capital 40%
Indústria Metal. de Bens de Consumo 20%

 


www.ufo.tv.br

Conheça a cidade de Atlanta, Georgia, nos Estados Unidos

 
Prefeitura Municipal
Mapas
Wikipédia
   


 

WM INTERNET